10 trabalhadores são resgatados em Pérola, após verificação de trabalho escravo

No local ficou evidenciado que os trabalhadores laboravam em condições degradantes e análogas à de escravos em lavoura de mandioca.

Por Redação
11/06/2024 12:01
Atualizado há 1 mês ago
WhatsApp Image 2024-06-10 at 08.09.17

A ação foi desenvolvida por meio de um trabalho conjunto do Ministério Público do Trabalho, FUNAI e BPFROn, onde foi possível resgatar 10 trabalhadores que estavam em condições análogas à escravidão, na região de Pérola, na última sexta-feira (07).

A denúncia foi recebida pela equipe do Ministério Público do Trabalho de Umuarama, a qual informou a existência de trabalhadores rurais de origem paraguaia e indígena em condição análoga à escravidão.

Após levantamento dessas informações, equipes da DPF/GRA/PR, do MPT, FUNAI e do BPFROn localizaram uma fazenda onde encontraram, aproximadamente, 10 trabalhadores rurais, sendo 9 paraguaios (dentre eles, 3 indígenas de etnia paraguaia, um deles adolescente) e 1 indígena de etnia brasileira.

No local ficou evidenciado que os trabalhadores laboravam em condições degradantes e análogas à de escravos em lavoura de mandioca. Também foi constatado o fornecimento de moradia precária aos trabalhadores e servidão por dívida.

Veja também

Morador de Cafezal do Sul é morto por golpes de faca após discussão por causa...
Há 6 horas ago
Morador de Cafezal do Sul é morto por golpes de faca em via pública
Há 9 horas ago
Aciu orienta empresários sobre acessibilidade no comércio
Há 12 horas ago
Ministério Público denuncia por homicídio com dolo eventual motorista que atr...
Há 15 horas ago
Fim de semana continua com tempo instável em Umuarama e região
Há 15 horas ago
Drogas são encontradas em vaso sanitário durante prisão de acusado de estupro...
Há 15 horas ago
Umuarama

Manutenção

Estamos em atualização